Manifesto Anti-Dantas para os dias de hoje


Para quem nunca leu o Manifesto Anti-Dantas de José de Almada Negreiros, agora é uma boa hora, para o fazerem, é de facto uma boa leitura, tanto de crítica social, como de humor, deixarei inclusive no final do 'post', um vídeo onde de forma bastante interessante o mesmo Manifesto é declamado e proferido por Mário Viegas, vale a pena ver, visto que conta de forma a que se dê para rir e voltar a rir.


Em si, Almada Negreiros com este texto 'doutrinário' acaba por ser um texto onde critica de forma efusiva o escritor Júlio Dantas, satirizando a peça do mesmo de 'Mariana Alcoforado', podendo dizer-se que achincalha e de forma ponderada com humor, considerando que Júlio Dantas, influencia de forma errada vários jornalistas, outros tantos escritores, políticos e actores.

Tem partes de facto hilariantes:

"Não é preciso disfarçar-se pra se ser salteador, basta escrever como o Dantas! Basta não ter escrúpulos nem morais, nem artísticos, nem humanos! Basta andar com as modas, com as políticas e com as opiniões! Basta usar o tal sorrizinho, basta ser muito delicado, e usar coco e olhos meigos! Basta ser Judas! Basta ser Dantas!"


Trazendo este texto para os dias de hoje, não é que de facto continua bastante actual? Quem são os 'Dantas' de hoje em dia?

- Visto que estamos numa época de vários Dantas, irei dar primazia aos bolsos do Zé-Povinho, que já pagaram diversas vezes com impostos e mais impostos, de dívidas que altos 'empresários' e vigaristas e corruptos, inclusive até eleitos em câmaras municipais em Portugal (sim, vale tudo e o Zé é feliz), não é que agora não se quer dar estrelato às dívidas (mais uma) de outro banco, que só por acaso se chama Caixa Geral de Depósitos, quantas OffShores, quantos desvios, quantas empresas falidas, quantos nomes foram envolvidos? Tantos.
Quem vai pagar isso tudo? Os corruptos? Os que devem milhares de milhões?
Não! Mas também não é o Dantas, é o Zé!

O contribuinte português, será o que vai pagar mais um buraco, feito por gente que não lhe acontece nada. Mas sorri e é feliz e acha bem e bate palmas.

Exemplo: Se um remediado, pede empréstimo a um banco e se por alguma carga de água, fica desempregado e não tem como pagar a dívida ao banco, o que sucede? Simples, o banco começa a hipotecar tudo quanto essa pessoa tenha, até não ter mais e com sorte vai preso.

Se um corrupto, que já deva milhares de euros, pedir outro empréstimo, além de lhe darem, e ele nunca pagar, é um dos principais sócios do banco, é basicamente um parceiro de negócios, e no dia em que por algum motivo se descobre como conseguiu tudo, não lhe acontece nada, porque para todos os efeitos, envolve justiça, envolve bancos, envolve empresários, envolve políticos, envolve empresas e seria uma pena, se um deles fosse preso.

Bem, estes são os Dantas de hoje em dia!

"Uma geração com um Dantas ao leme é uma canoa em seco!"


Vídeo - https://www.youtube.com/watch?v=Izz4aoZ1Bsw

Comentários

Mensagens populares

Blogs Portugal